Dupla libanesa lança canção sobre a desigualdade de gênero

Por Diogo Bercito

A dupla Michelle Keserwany e Noel Keserwany publicou, no domingo (11), o vídeo da canção “In My Hand”. “Na minha mão”, em português. A música, ilustrada por animações, trata da desigualdade entre homens e mulheres no Líbano. “A quem me dirijo para falar desta luta? Ao governo, à sociedade, aos meus pais, aos meus vizinhos?”, pergunta a narradora.

Como registra o blog libanês Baladi:

As mulheres no Líbano ainda têm um longo caminho para chegar à verdadeira e completa igualdade em relação aos homens. Dois dos aspectos mais críticos que precisam ser resolvidos são a violência contra a mulher, principalmente a violência doméstica; e as leis de nacionalidade, já que mulheres libanesas ainda não podem transmitir a nacionalidade a seus filhos.

O vídeo está abaixo, em árabe e com legendas em inglês:

A produção contrasta com outras imagens que foram divulgadas recentemente: as de um parlamentar libanês dizendo que as mulheres têm culpa, quando são estupradas. O político Elie Marouni foi questionado sobre a razão pela qual mulheres não podem transmitir a nacionalidade a seus filhos. Ele disse que isso poderia atrapalhar a balança demográfica libanesa, diante da presença de refugiados palestinos e sírios — mas, em todo o caso, homens ainda passam a nacionalidade adiante.

Além disso, Marouni culpou as mulheres por serem estupradas, dizendo que “há certas circunstâncias em que precisamos nos perguntar se a mulher teve um papel em levar os homens a estuprá-las”.