Quatro sugestões de livros sobre o Egito para acompanhar o Orientalíssimo no Cairo

Por Diogo Bercito

A partir desta segunda-feira (13) este Orientalíssimo blog passa a ser, de alguma maneira, Cairíssimo. Cheguei recentemente à capital do Egito para um semestre de estudos e trabalho, durante os quais vamos poder juntos conhecer melhor este que é o mais populoso país árabe, e não à toa conhecido na região como “umm al-dunya”. “Mãe do mundo”.

O Egito é um riquíssimo tesouro histórico. Nunca me esqueci das aulas de história em que minha mãe, professora onde estudei, apagava as luzes da sala e lia aos alunos descrições de tumbas faraônicas e de múmias no deserto. Provavelmente muitos de nós aprendemos pela primeira vez a palavra “dádiva” quando lemos a onipresente citação do historiador grego Heródoto: “O Egito é a dádiva do Nilo”.

Construções no centro do Cairo. Crédito Diogo Bercito/Folhapress
Construções no centro do Cairo. Crédito Diogo Bercito/Folhapress

Mas este Orientalíssimo blog vai relatar também, durante os próximos meses, um Egito mais moderno. Para além das pirâmides e dos crocodilos, vamos discutir aqui outras das razões pelas quais este país é conhecido como um dos centros do mundo de cultura árabe. Foi no Egito, afinal, que surgiu no início do século 20 a Irmandade Muçulmana, inspiração para tantos outros movimentos islamitas ao redor do mundo. Também aqui brotaram ondas nacionalistas em meados do século passado, como aquela capitaneada pelo militar Gamal Abdel Nasser. E aqui têm se discutido, apesar dos retrocessos, os eventos políticos posteriores à Primavera Árabe de 2011.

Louva-a-Deus observa o rio Nilo, nos entornos da ilha de Roda. Crédito Diogo Bercito/Folhapress
Louva-a-Deus observa o rio Nilo, nos entornos da ilha de Roda. Crédito Diogo Bercito/Folhapress

Quem quiser me acompanhar nesta viagem, para além do blog, pode entender melhor o Egito por meio de uma infinidade de excelentes livros  escritos sobre o país. Reuni abaixo quatro indicações, baseadas no que li recentemente, para quem estiver em busca de um ponto de partida.

UMA HISTÓRIA DOS POVOS ÁRABES
POR ALBERT HOURANI
Um clássico, e disponível em português. Não é uma obra especificamente sobre o Egito, mas garante uma base sólida para entender melhor a região.

A HISTORY OF EGYPT: FROM THE ARAB CONQUEST TO THE PRESENT
POR AFAF LUFTI AL-SAYYID MARSOT
Um breve relato da história egípcia a partir da conquista árabe no século 7 até o regime do ex-ditador Hosni Mubarak, deposto em 2011. O livro é construído em cima da tese de que o país foi governado por milênios por estrangeiros, alienando a população local.

THE NILE: A JOURNEY DOWNRIVER THROUGH EGYPT’S PAST AND PRESENT
POR TOBY WILKINSON
Este livro não está organizado cronologicamente. É em vez disso uma saborosa descrição do rio Nilo desde o sul até o norte do país –e de como ele determinou a épica história do Egito.

COLONIZING EGYPT
POR TIMOTHY MITCHELL
O autor explica, em um estudo mais complexo do que os três livros citados acima, quais foram os mecanismos intelectuais da colonização do Egito no século 19. É uma obra para quem já conhece bem o contexto histórico.