Sírios fazem álbum do casamento nas ruínas de Homs, destruída pela guerra civil

Por Diogo Bercito

“Para mostrar que a vida é mais forte do que a morte”. O casal sírio Nada Merhi, 18, e Hassan Youssef, 27, registraram seu álbum de casamento nas ruínas de Homs –cidade em que regiões inteiras foram completamente devastadas, como escrevi há algum tempo na Folha. A revista “Atlantic” reuniu algumas das imagens, feitas em 5 de fevereiro pelo fotógrafo Joseph Eid, da agência de notícias AFP.

160206034.3_mn

O jornal americano “Washington Post” lembra que esse não foi o único casório fotografado em Homs. Houve, afinal, uma cerimônia celebrada em uma igreja despedaçada na cidade –uma das maiores da Síria, e mais castigadas pelo conflito civil que já deixou centenas de milhares de mortos desde 2011.

Segundo o diário americano:

Apesar de as fotografias do casamento de Merhi e Youssef poderem sugerir que a vida na Síria se aproxima da normalidade, elas não estão isentas da complexidade e das divisões provocadas pela guerra. Youssef veste um uniforme militar nas imagens. Ele é um soldado no Exército sírio — a mesma força que ajudou a destruir Homs com anos de ataques aéreos, de artilharia, de morteiros e de foguetes com a mira em grupos rebeldes.